segunda-feira, 17 de outubro de 2011

Só o bem prevalece



Você sabe quem foi John Wilkes Booth? Já ouviu falar desse homem alguma vez? Certamente não.

Mas se perguntarmos se sabe quem foi Abraham Lincoln, a grande maioria das pessoas dirá que se trata de um dos Presidentes dos Estados Unidos mais conhecidos, e que contribuiu grandemente com a Humanidade, abolindo o horror da escravidão em seu País.

Pois bem, o primeiro nome que declinamos é do ator norteamericano que, de forma covarde e traiçoeira, desferiu um tiro certeiro na cabeça de Lincoln, enquanto este assistia a uma peça teatral.

O mesmo aconteceu com tantos outros covardes da nossa História.

A morte moral dessas criaturas é decretada por seus próprios atos de covardia e traição. Recebem da Humanidade o esquecimento e desprezo.

Quem não ouviu falar de Ghandi? O homem que, em nome da não-violência, libertou seu povo do jugo da Inglaterra.

Ele também foi covardemente assassinado, mas quem lembra o nome do seu algoz?

Martin Luther King dizia: Eu tenho um sonho. E seu sonho era que brancos e negros pudessem se sentar juntos à mesa da fraternidade.

A bala assassina disparada por um covarde que se escondia entre a multidão, na tentativa de matar seu sonho, conseguiu esfacelar o cérebro daquele homem, mas suas ideias continuaram e continuam vivas.

Seu sonho se realizou, se não completamente, pelo menos em parte.

Quem sabe o nome do assassino? A Humanidade sequer o registrou na História.

Quem não ouviu falar de Sócrates, um dos Pais da Filosofia? Mas seus algozes foram esquecidos pela Humanidade.

Vários outros personagens, que lutaram pelo bem, estão nos registros da História da Humanidade. Muitos assassinados, mas de seus assassinos ninguém ouve falar.

Queremos lembrar dessa forma, que só o bem prevalece. Que aqueles que foram algozes, certamente já voltaram ou voltarão em novas existências. Terão uma chance de reparar os equívocos cometidos.

Mas o bem realizado por quem quer que seja, esse está registrado. Esse valeu a pena. O mal terá que ser reparado de uma forma ou de outra.

Jesus Cristo é o maior exemplo de que se tem notícia. Viveu o bem, exemplificou-o e Seus ensinos são lembrados pela Humanidade, há mais de dois milênios.

Seu cérebro físico foi apagado, mas ninguém jamais logrou erradicar da face da Terra Suas ideias, embora muito se tenha tentado.

Elas vivem e viverão para sempre, porque vindas de Deus.



Jesus afirmou que: É mais fácil passar o céu e a terra, do que perder-se um til da lei.

Esta assertiva nos dá a exata noção da Lei de Causa e Efeito.

Assim, aqueles que agem de forma equivocada, terão que reparar seus atos até que se cumpra o último item da Lei.

Até que seus atos fiquem de conformidade com as Leis Divinas, porque essas não serão burladas jamais.


Redação do Momento Espírita com base em Biografia de Abraham Lincoln e no cap. XVI, versículo 17, do Evangelho de Lucas.
Disponível no CD Momento Espírita, v. 1, ed. Fep.
Em 11.01.2010.




LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...