sexta-feira, 12 de julho de 2013

Somos o que pensamos


Em uma frase bem conhecida, Buda disse: “o ódio jamais pode cessar com ódio. O ódio só pode cessar com amor. Esta é uma lei eterna”.

Podemos começar a transcender o ciclo de aversão quando conseguimos parar de ver a nós mesmos, pessoalmente, como agentes da vingança.

No final, todos os seres são os donos de seu próprio carma.

Se alguém causou dano, irá sofrer. Se causamos dano, iremos sofrer.

Como o Buda disse no Dhammapada: “somos o que pensamos”.

Tudo o que somos surge com nossos pensamentos. Com nossos pensamentos, fazemos o mundo.

Fale ou aja com uma mente impura e problemas te seguirão assim como a roda segue o boi que puxa a carroça. … Fale ou aja com uma mente pura e a felicidade vai te seguir como sua sombra, imperturbável.

Felicidade e tristeza dependem de nossas ações.

Sharon Salzberg, em “Lovingkindness”.

fonte:
http://www.espiritbook.com.br/
Ajude o blog com sua doação! Clique no botão abaixo para doar qualquer quantia.




LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...